quinta-feira, 26 de julho de 2007

Atacando a “pirataria”

Que o maior patrimônio da França é a qualidade e a originalidade de seus produtos, todos nós sabemos. São eles também um dos países que mais sofrem com a pirataria indiscriminada que assola a indústria do mercado de luxo.
“Cansados” com a perda de divisas, as autoridades francesas fizeram uma lei que permite que as pessoas usando produtos falsificados sejam processadas podendo pegar até 3 anos de prisão e/ou pagar uma multa de até 300.000,00 euros. Essa ação começou nos aeroportos franceses, onde os fiscais da alfândega tinham o direito de abordar turistas com malas de marcas falsificadas, e conta com a participação até do pessoal da Air France.
Em 2007 foi criada uma nova campanha – super-ameaçadora por sinal -, que chega agora a alguns sites e blogs ligados ao universo do luxo.
Afinal, como também somos contra as cópias, que tiram os lugares dos criadores, dos inovadores e dos empreendedores.... e nosso blog também é “um luxo só”, aproveitamos para replicar a campanha!


Quem tiver interesse em conhecer as outras peças da campanha pode se ‘linkar’ por aqui para o site do Comité Colbert.

3 comentários:

Joia br disse...

Pois é, Ida, um outdoor destes é a primeira coisa que se vê ao desembarcar no aeroporto de Paris. Na hora, a gente pensa em quantos "incautos" podem ser pegos com seus fakes...
Acho super válida a campanha. Aliás, penso que ela deveria se estender aqui pelo Brasil, abrangendo todo o tipo de cópias, inclusive "conteúdo" - assunto que "sentimos na pele" ao ver textos e "idéias" reproduzidos e modificados sem autorização.
Imagine só se esta lei pega por aqui? :)

Ida Benz disse...

É mesmo Doro, me lembrei também tanto do artigo da Adriana Costa sobre "DESIGN, BRANDING E RESPEITO"...
Quem sabe um dia o pessoal começa a respeitar, valorizar e defender as IDÉIAS como o pessoal lá fora já vem fazendo.
Chega de ficar achando que "minha idéia" é MINHA, "sua idéia" é NOSSA!

maura dias disse...

POIS É....SE GRITAR "PEGA"! VÃO SOBRAR POUCOS, APENAS OS PROFISSIONAIS E CRIATIVOS (AQUELES QUE NÃO PRECISAM PIRATEAR AS IDÉIAS ALHEIAS).

"CRIATIVIDADE NA PAZ" !!!!